PRESERVILA 3

Bom dia amigos!

A SAVIMA Sociedade Amigos de Vila Madalena está reunindo moradores, comerciantes e amigos do bairro para que possamos enfrentar com maior afinco os problemas causados com o Novo Plano Diretor em nossa região aprovado pela prefeitura e julho de 2014.

Com certeza a qualidade de vida dos moradores e das pessoas que amam o nosso bairro diminuirão e muito. Então resolvemos debater o assunto e já estamos nos encontrando há 2 meses. Após nossa conquista no adensamento no eixo do metro Vila Madalena, vamos começar a nos preocupar com a Lei de Uso e Ocupação do Solo na Vila Madalena.

Temos a chance de reverter o aumento dos limites de ruído proposto nas novas zonas ZEU, ZEM, ZC, ZMa e ZMISa.http://gestaourbana.prefeitura.sp.gov.br/wp-content/uploads/2014/12/2014-12-23-QUADRO-4B-minuta-PL-LPOUS-vfinal.pdf

Estamos contando com o apoio de todos apaixonados pela Vila Madalena de levantar a nossa bandeira a arma mais eficaz de sensibilizar os nossos vereadores.

Haddad vai fechar as ruas dos nossos bairros de domingo.

A Prefeitura de São Paulo irá iniciar uma série de 32 audiências públicas para "discutir e debater" as suas propostas de “Rua Aberta”, fechando as ruas da cidade nas finais de semana.

Conforme matéria publicada no site da Prefeitura , além de apresentações ao vivo de teatro, dança, música e artesanato está prevista a promoção de serviços aos empreendedores e a busca de patrocínio e apoio de empresas privadas.

O Urbanismo Cultural Totalitário

Festival COCIDADE , um grande encontro de diversos movimentos ligados à ocupação da cidade que, de acordo com o convite recebido, promete uma impressionante lista de programas culturais, festas, música ao vivo e grafite.

apoio da Secretaria da Cultura, o evento é promovido pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano, a SMDU, responsável pelo PDE e o LUOS, e agora pela ocupação cultural da cidade.

Não foi à toa que durante consultas do PDE, regional Pinheiros no Colégio Dante Alighieri, do ano passado, um representante da SMDU citou facilitar a logística de entrega de cerveja, como um bom exemplo da mobilidade urbana!

Podemos pintar uma assustadora analogia com o livro e de filme homônimo Fahrenheit 451 onde, em um futuro não tão hipotético, quando os livros (e a história) são proibidos por um regime totalitário, sob o argumento de que fazem as pessoas infelizes e improdutivas. Se alguém é flagrado lendo é preso e "reeducado". Se uma casa tem muitos livros e um vizinho denuncia, os "bombeiros" são chamados para incendiá-la.

Pela mesma lógica, se você mora em uma casinha antiga com jardim -isso não atende a função social e deve ser expulsa pelas hordas "felizes", cedendo o terreno para construir um lindo espigão.

Assim, percebemos que o urbanismo do Haddad virou uma ferramenta de controle social, tanto que a função da CET agora é atrapalhar o fluxo dos carros. O Haddad é Prefeito e advogado, mas ainda encontra tempo para lecionar sobre urbanismo na USP.

O Nabil Bonduki 24h

Nenhum informe sobre a ocupação cultural seria completo sem lembrar do nosso ilustríssimo vereador licenciado e Secretário de Cultura.

Nada mais natural o seu progresso como relator do PDE para a Secretaria de Cultura Municipal.

Mas não se preocupem, seus projetos de lei estão em boas mãos, pois acabaram de aprovar em unanimidade na comissão de política urbana a nova Lei de 24h A PL 01-00594/2013 que prevê o fechamento de ruas, predominantemente comerciais para atividades culturais durante 24 horas aos finais de semana ou feriados. Desde que a rua seja predominantemente comercial e que 2/3 dos moradores ou comerciantes da região peçam o fechamento.

Conforme a justificativa do Nabil "A ocupação do espaço público através da cultura, do lazer, e da arte no período noturno ou mesmo 24 horas, como é o caso da Virada Cultural de São Paulo, é um ótimo exemplo de política pública".

VOTO DISTRITAL | APOIAMOS ESSA IDEIA.

O arquiteto Urbanita Francisco fez um projeto com nossas reivindicações, tudo o que era possível inserir no PDE, pois o prazo estava curto.

O projeto ficou pronto, já está nas mãos de todos os vereadores da Cidade de São Paulo. Temos uma reunião a marcar com o Diretor da SMDU e discutir sobre o plano.

Pois bem, estamos fazendo nossa parte, mas o Arquiteto Urbanista cobrou um valor pelo projeto que a parte da Vila Madalena ficou em 8 mil e 300 reais, de um projeto que tem custo total de 25 mil reais.

O projeto já feito, se encontra com os vereadores e parece que está dando resultados.

Os amigos do bairro, moradores e comerciantes que puderem colaborar com qualquer quantia, manteremos informados, pois precisamos pagar o Arquiteto, passe um e-mail pra SAVIMA que encaminho os dados do Arquiteto Urbanista Francisco Luiz Scagliusi.

Atenciosamente,

SAVIMA

www.savima.com.br

Posts Recentes
Posts
Arquivo
Procurar
Siga a gente
  • Facebook Basic Square

Desenvolvido por The Ideah Publicidade